sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

10 mil curtidas e subindo!



Agradecemos as mais de 10.000 curtidas que já recebemos em nossa página no Facebook, além das mensagens de apoio ao nosso projeto, sugestões de pauta e comentários sobre nossas publicações.

Já são mais de 10.000 pessoas curtindo nossa pagina e outras dezenas de milhares acessando nosso site, que é fruto do trabalho voluntário e dedicado de diversos colaboradorxs.

O Jornal Santista, que foi lançado sob nova perspectiva no dia 11 de maio deste ano, já é um sucesso, destacando-se com uma mídia de pensamento crítico para a Baixada Santista e todo o Brasil.

Desejamos um feliz 2017, ano em que traremos muitas novidades, melhorando ainda mais a qualidade e abrangência do Jornal Santista.

sábado, 24 de dezembro de 2016

Os prédios tortos de Santos

Em destaque o edifício "Excelsior", onde funcionava até 2017, um dos bares mais conhecidos de Santos: o bar do "Torto"

Uma história marcada pela especulação imobiliária

Nesta época do ano, se intensifica o fluxo de turistas para Santos e Baixada Santista como um todo. Muitas pessoas vem em busca de lazer e descanso, lotando as praias e cidades da região, em Santos muitas atrações entretêm turistas e moradores, mas para aqueles que observam a orla com mais atenção se destacam os prédios tortos.

Prédios que foram construídos, sobretudo entre as décadas 1950 e 1960 passaram “entortar” na orla da cidade já nos anos de 1970. O motivo do afundamento destes prédios, é consequência de construções feitas com fundações rasas, em muitos casos de apenas 10 metros, em áreas de manguezais, terreno argiloso, onde as partes mais sólidas se encontram somente a mais de 50 metros de profundidade

Este problema afeta mais de 90 prédios na orla santista, mais concentrados entre os canais 3 e 6, sendo que 65 estão fora do padrão ABNT, apresentando inclinações desde 0,5 m a 1,8 metro. Segundo dados da prefeitura, atualmente os “tortos” concentram mais de 2.700 apartamentos, onde moram aproximadamente 17.000 pessoas, quase 3% da população de Santos, dados da prefeitura, também indicam que alguns edifícios, que foram erguidos na década de 1990, já possuem mais de 1 metro inclinação.

Prédios tortos se destacam na orla
O que a primeira vista se apresenta com uma versão brasileira de “Torre de Pisa”,com um olhar mais cuidadoso, se revela como uma história onde a pressão por lucros e a mercantilização extrema da cidade, tem marcado esta cidade há muitos anos.


Com a consolidação de Santos como cidade turística e de veraneio no incio da década de 1950, uma intensa especulação imobiliária tomou a cidade, e levou a construção de obras apressadas, que buscavam reduzir custos de qualquer forma e que negligenciaram estudos técnicos sobre o solo santista.

Santos ainda é refém da especulação imobiliária, impulsionada no último ciclo pelo pré-sal. Os problemas dos prédios tortos persistem, as soluções de técnicas para nivelar os edifícios são extremamente caras e foram realizadas até o momento em pouquíssimas construções, apesar de laudos atestarem que no momento não há riscos de algum prédio cair o problema ainda segue sem solução e se aprofundando.

Os moradores foram obrigados a conviver com a situação, tendo grande prejuízo em sua qualidade de vida. Não podemos ignorar que se trata de um problema social, uma situação preocupante que demanda atuação do poder público, pois trata-se da segurança e da vida.


As cidades devem se libertar da ditadura da especulação imobiliária geradora de muitos problemas e que segue criando absurdos em diversas localidades por todo o Brasil. As cidades precisam ser repensadas como um direito e não como espaço de geração de lucros a qualquer preço.  

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Saiba qual o aumento de IPTU em 8 cidades da Baixada Santista para 2017


O  Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) para 2017 já foi reajustado em oito das nove cidades da região. Em todas as cidades o imposto sofreu aumento que varia entre 7% (em Santos) e 9,15 (São Vicente).

Guarujá, uma das cidades que mais arrecada IPTU da região ainda não anunciou reajuste

Acompanhe o reajuste nas nove cidades da baixada: 

Bertioga – reajuste de 7,86%
Desconto à vista de 3%

Cubatão – 8,5%
Desconto à vista de 5%

Guarujá – reajuste indefinido
Desconto à vista: indefinido

Itanhaém – reajuste de 8,22%
Desconto à vista de 5%

Mongaguá – reajuste de 8,97%
Desconto à vista de 5%

Peruíbe – reajuste de 8,98%
Desconto à vista de 3%

Praia Grande – reajuste de 8,97%
Desconto à vista de 5%

Santos – reajuste de 7%
Desconto à vista de 4%

São Vicente – 9,15%

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Ocupação da UNIFESP Santos recebe atividade em valorização dos saberes indígenas


Nesta quinta-feira (08/12) a Ocupação da Unifesp - Santos sediará o último encontro do curso: Conhecendo a Cultura Guarani. Neste encontro a indígena Para Poty (Irundina), raizeira e parteira da aldeia, compartilha seus saberes sobre as plantas medicinais e a relação com a natureza.

A atividade contará com a presença de convidada especial: Mariliz Mazzoni que é formada em Serviço Social, atua como doula (pessoa que auxilia a mulher no momento do parto) desde 2013 e em sua formação desenvolveu a pesquisa "O direito de parir em paz" que dialoga sobre a autonomia da mulher no momento do parto.


As verdades e as mentiras sobre a Previdência Social



Você sabia que mentem quando dizem que a Previdência dá prejuízo?


Sim, muitas mentiras são criadas e disseminadas pela grande mídia e os governos, tudo isso para justificar o desmonte e destruição de nosso sistema previdenciário.

Para combater a campanha midiática de desinformação, a Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Anfip), produziu este vídeo, que é um alerta para a sociedade a respeito dos falsos argumentos levantados pelo governo e sustentados pela imprensa em geral.

Se você quer saber a verdade sobre a Previdência Social, não deixe de assistir.

Compartilhe a verdade dos fatos, divulgue este vídeo

acesse a page da ANFIP em: https://www.facebook.com/anfip.nacional/

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Natal Solidário: Em apoio ao povo Guarani da Baixada Santista


PARTICIPE DESTA IMPORTANTE CAMPANHA 

Poucas pessoas sabem, mas existem na Baixada Santista diversas aldeias do povo Guarani, que seguem em sua luta de resistência há mais de 500 anos. O povo indígena da região enfrenta uma série de dificuldades que vão desde a pressão da especulação imobiliária e  diversos  problemas em questões fundamentais como acesso aos serviços de saúde e estrutura das aldeias.

A presente campanha em apoio ao povo Guarani , também é um meio dos moradores da baixada conhecerem as aldeias e a riquíssima cultura Guarani, para isso serão organizadas entregas coletivas das doações.

O período de coleta de doações vai de 01 a 19 de dezembro e pode ser feito em Santos na Subsede do Sintrajud (  Rua Adolpho Assis, 86 – Vila Belmiro – Santos - 10 às 12h / 14 às 18h ) e  na sede do sindicato em São Paulo (Rua Antonio de Godoy, 88 – 16º andar Centro – São Paulo).

Para mais informações mande mensagem de wathsapp para : 011/994897594 Adilson Rodrigues.

*demais informações constam no cartaz

sábado, 3 de dezembro de 2016

Estudantes da UNIFESP organizam intervenção artística durante ocupação


*Por Movimento da Unifesp SJ/BS



‘Muro Branco, Povo Mudo’ é um projeto de intervenção artística que nasce na ocupação da Unifesp – Baixada Santista, da unidade Silva Jardim do Instituto Saúde e Sociedade. O evento acontecerá no dia 4 de dezembro (domingo), das 10h às 23h e contará com vários artistas convidados e alguns estudantes na composição de um mutirão de graffiti na fachada da Rua Campos Melo – atualmente único acesso ao prédio.


Dia 03 de dezembro faz um mês que nós estamos aqui na ocupação da UNIFESP Baixada Santista, junto com um movimento nacional de ocupações contra a PEC 55, antiga 241, que representa um 
processo de desmonte nos serviços públicos, como de saúde e educação nos próximos 20 anos.

A PEC foi o gatilho dessa ocupação, mas no dia-a-dia, foi impulsionado o diálogo constante principalmente entre os estudantes e com a comunidade, técnicos, docentes, direção e reitoria, sindicatos e movimentos sociais. Nasceram novos espaços e reflexões, inéditas pra muitos de nós, uma nova compreensão da universidade pública e da educação pública como um todo.

O graffiti pode reverberar diversas discussões. Temas como a tipografia urbana, a ética na práxis artística, a interferência da arquitetura nas relações humanas, a deriva pelo espaço público, as intervenções em patrimônio público e as ocupações artísticas são alguns dos desdobramentos possíveis, dentre tantos outros.

Os muros que antes funcionavam como barreira, agora esperamos que sejam convertidos simbolicamente em um convite à participação da comunidade e um registro das reflexões que nasceram no movimento de ocupação.

Contamos com a sua colaboração para realizar esse evento e transformar a nossa universidade em um espaço permeável de participação e convivência da comunidade!


Link do evento Muro Branco, povo mudo

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Deputado Raul Marcelo (PSOL) questiona governo estadual sobre o fechamento de oficinas culturais


Após reforma de R$ 10,6 mi,Cadeia Velha  poderá fechar as portas no final de dezembro


O destino da Cadeia Velha de Santos é incerto, logo após uma reforma que se iniciou em 2014 e custou mais de 10,6 milhões, ela foi reinaugurada no dia 01 de agosto deste ano, como um centro cultura, mas devido ao fechamento das oficinas culturais por parte do governo estadual, não se sabe como ficará em 2017, tendo grande risco do prédio ficar ocioso.

O fechamento de oficinas não afeta apenas Santos, mas o interior também, neste contexto, o deputado estadual Raul Marcelo (PSOL) protocolou, nessa semana, na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), um requerimento questionando o governo estadual sobre os motivos do fechamento, a partir de 1º de janeiro de 2017, de oficinas culturais.

Para Raul Marcelo, as oficinas culturais têm o papel estratégico de ser um espaço de formação cultural. “O fechamento dessas unidades terá um prejuízo irreparável em termos de pleno acesso à cultura, uma vez que a instituição é um efervescente polo de formação cultural, sendo um espaço que testemunhou grande parte da vivência cultural”, afirma o deputado estadual pelo PSOL.

Além do fechamento das oficinas culturais no interior paulista, Raul Marcelo também teve o conhecimento que o contrato do governo estadual com o Poiesis (Instituto de Apoio à Cultura, à Língua e à Literatura), organização social responsável pela gestão das oficinas no Estado de São Paulo, havia sido rescindido. As unidades localizadas no interior paulista ficam nos municípios de Iguape, Limeira, Marília, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São Carlos, São José do Rio Preto, São José dos Campos e Sorocaba.

Raul Marcelo fez os seguintes questionamentos ao secretário de Estado da Cultura, José Roberto Sadek: “Quais são os motivos para o fechamento das oficinas culturais situadas no interior paulista?”; “A decisão de desativar as oficinas culturais foi precedida por audiências públicas e/ou consultas aos setores da sociedade civil que tradicionalmente atuam na área cultural? Se a resposta for positiva, favor indicar detalhadamente os instrumentos de participação popular que foram utilizados para lastrear essa decisão, informando inclusive as datas e locais desses eventos”; “Quantas unidades serão desativadas e onde cada uma está localizada?”; e Por que foi rescindido o contrato administrativo com o Poiesis?

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Sobre a necessidade de uma cobertura jornalística latino-americana



por Valério Paiva*


Acompanhado a cobertura sobre o acidente com o voo da delegação da Chapecoense, podemos debater muito sobre o que foi sensacionalismo, o que foi interesse jornalístico, o que foi caça cliques, o que foi digno, etc. E é necessário debater os limites e para onde vai e para onde deve ir o jornalismo.

Mas uma coisa chamou muito a atenção na cobertura da Fox Sports e da ESPN Brasil foi o uso constante da estrutura e dos repórteres locais da Fox Sports colombiana e da ESPN Sur da Colômbia, com jornalistas entrando ao vivo reportando as notícias em espanhol e conversando com âncoras brasileiros que falavam português. E mesmo quem não tem conhecimento do idioma espanhol conseguiria compreender as informações que estavam sendo divulgadas.

Tudo bem que as duas emissoras, de capital estadunidense pertencentes ao Murdoch e a Disney, tinham a facilidade de já terem sucursais nos dois países envolvidos nesse caso. Isso facilita um intercâmbio dessa forma, e em outras coberturas de competições esportivas não foi a primeira vez que as duas empresas realizaram essa troca de profissionais. Mas era sempre muito eventualmente que isso acontecia.

Fica no ar que é possível e mais do que necessário, em especial para o Brasil, ampliar a cobertura jornalística que envolva todo o continente. O idioma pode ser uma aparente barreira, mas não intransponível. Muitas vezes no jornalismo brasileiro (ou quase sempre) a cobertura da Europa e dos EUA é mais constante do que as notícias do resto de nosso continente.

Poucos veículo brasileiros possuem correspondentes na região, e muitas vezes as coberturas de eventos importantes são feitas por eventuais enviados especiais, agências européias, ou coisas mais esquizofrênicas como a Globo que costuma cobrir a Venezuela e a partir de um jornalista argentino hospedado em Buenos Aires (!!!), quando não usa os inúmeros repórteres que moram nos Estados Unidos (!!!).

Algumas iniciativas localizadas que já existem possuem limites. O El País tem um projeto editorial interessante no Brasil, mas sua visão de mundo é centrada num conservadorismo liberal de Madrid. A Telesur foi a quem melhor aproximou do que poderia ser o ideal, como emissora pública panacional de notícias. Mas a Telesur tem como limites a relação umbilical com o PSUV de um lado, e de outro uma falta de interesse do então Governo Lula de fazer parcerias entre o canal venezuelano e a então jovem EBC. Além de não incentivar entrada da Telesur no line-up das distribuidoras pagas brasileiras, pois só está presente na limitada operação da Vivo TV. Mas nada surpreendente vindo de governos que sequer ajudaram a expansão do sinal da TV Brasil na aberta e nem colocaram na legislação a garantia de distribuição do canal público brasileiro em HD nas tvs pagas.

Enfim, não apresentou nenhuma proposta nem solução para nada, e sei que a cobertura jornalística da América Latina continuará a ser problemática na imprensa brasileira. E muitas vezes nos demais países é exatamente o oposto, pois já acompanhei a cobertura das eleições brasileiras por empresas argentinas e venezuelanas, e foi nítida a diferença.

Mas fica a reflexão que é necessário e possível realizar uma cobertura jornalística que integre todos os países do continente com o Brasil com profissionais de múltiplos países. Nem que para isso tenha que ter sido demonstrado pelo esforço de profissionais (e não dos donos) de duas emissoras esportivas de sinal fechado cujo alcance está longe da grande maioria da população. Esforço esse potencializado pelo desafio de cobrir um momento doloroso onde os jornalistas infelizmente viraram notícia.


*Valério Paiva é repórter do Jornal da Unicamp. Colaborou com publicações como Caros Amigos, Revista Adusp, PUCViva, Valor Econômico, dentre outras, além de ter trabalhado com assessoria de imprensa e colaborado com a comunicação de movimentos sociais. É diretor do Sindicato dos Trabalhadores da Unicamp e membro dos coletivos de jornalistas Sindicato é Pra Lutar e LutaFENAJ.                        

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Acompanhe a programação especial dos 25 anos do Cine Arte


No mês de dezembro o Cine Arte Posto 4 comemora seus 25 anos exibindo grandes filmes. As sessões terão entrada gratuita, e apresentam um filme diferente a cada dia.



Cena do filme: Mulheres a beira de um ataque de nervos
 A seguir confira o calendário e uma breve sinopse dos filmes exibidos :



Asas do desejo - dia 04

Direção:
Wim Wenders
Ano:
1987 
País:
FrançaAlemanha
Gênero:
DramaFantasiaRomance
Duração:
127 min. / cor
Título Original:
Der Himmel über Berlin 
Título em inglês:
Wings of Desire










O filme gira em torno de dois anjos que pairam sobre a Berlim do pós-guerra e ouvem os pensamentos e angústias dos seus moradores.

Um dos anjos se apaixona por uma trapezista de circo e resolve tornar-se um ser humano para viver o seu amor e experimentar sensações humanas.


Mulheres a beira de um ataque de nervos - dia 05

Direção:
Pedro Almodóvar
Ano:
1988 
País:
Espanha
Gênero:
ComédiaDrama
Duração:
90 min. / cor
Título Original:
Mujeres al Borde de un Ataque de Nervios 
Título em inglês:
Women on the Verge of a Nervous Breakdown 










Nesta comédia, a ousadia de Almodóvar é revelada quando uma atriz de TV, em plena crise afetiva, tem sua casa invadida pela esposa e filho de seu amante, a namorada do filho dele e ainda uma amiga envolvida com um terrorista.

A sexy Pepa está obcecada com Iván, amante que terminou com ela em um recado na secretária eletrônica. Já a neurótica Candela procura refúgio na casa de Pepa, pois descobriu que seu amante é um terrorista. E a ex de Ivan, Lucia, acaba de voltar de uma estadia de 20 anos em uma instituição para doentes mentais.

Lanternas vermelhas - dia 06

Direção:
Zhang Yimou
Ano:
1991 
País:
TaiwanHong KongChina
Gênero:
Drama
Duração:
125 min. / cor
Título Original:
Da Hong Deng Long Gao Gao Gua 
Título em inglês:
Raise the Red Lantern 









China, anos 1920. Com a morte do pai e o conseqüente empobrecimento da família, Songlian, uma jovem universitária é pressionada pela madrasta a se casar e se torna a quarta esposa de um homem rico e poderoso que ela nem sequer conhece.

De repente, ela se vê sozinha em uma casa onde as tradições seculares são seguidas como uma lei por seu marido e todos que a habitam. Uma das mais importantes regras é a das lanternas vermelhas. A esposa escolhida pelo senhor da casa para passar a noite tem a lanternas de sua casa acesas e recebe um tratamento privilegiado por toda a criadagem.

Farinelli - dia 07


Direção:
Gérard Corbiau
Ano:
1994 
País:
BélgicaEstados UnidosFrançaItália
Gênero:
DramaMusical
Duração:
110 min. / cor
Título Original:
Farinelli Il Castrato 
Título em inglês:
Farinelli the Castrato 








Farinelli é o nome artístico de Carlo Broschi, um jovem cantor do século XVIII, tempo do grande compositor Handel. Para preservar sua voz, ele foi castrado em sua infância.

Durante toda sua vida ele se tornou um grande e famoso cantor de ópera, sendo levado à glória máxima, coberto de ouro por príncipes e venerado pelo público.



A cor do paraíso - dia 08

Direção:
Majid Majidi
Ano:
1999 
País:
Irã
Gênero:
Drama
Duração:
90 min. / cor
Título Original:
Rang-e khoda 
Título em inglês:
The Color of Paradise 








Mohammad tem 8 anos, é cego e estuda numa escola especial. Quando seu pai resolve se casar de novo, ele vê o filho como um empecilho. Para piorar, ele não tem mais condições de mantê-lo na escola. 

É aí que ele resolve mandar o filho passar as férias com um marceneiro cego, para que ele vire seu aprendiz.
       

Lavoura Arcaica - dia 09


Direção:
Luiz Fernando Carvalho
Ano:
2001 
País:
Brasil
Gênero:
Drama
Duração:
163 min. / cor
Título Original:
Lavoura Arcaica 
Título em inglês:
To the Left of the Father 









Filho mais novo foge da família dominadora, mas cai em decadência e volta para casa, o que o torna uma versão ao avesso da parábola do filho pródigo.

O filme mergulha em temas como tirania paterna, incesto e conflitos familiares intensos, baseado na obra de Raduan Nassar.


Amor a flor da pele - dia 10

Direção:
Wong Kar-Wai
Ano:
2000 
País:
FrançaHong Kong
Gênero:
DramaRomance
Duração:
98 min. / cor
Título Original:
Fa Yeung Nin Wa 
Título em inglês:
In the Mood for Love 









Hong Kong, 1962, o editor-chefe de um jornal local e sua esposa se mudam para um prédio em Xangai, onde ele conhece sua vizinha Li-Chun, que também se mudou no mesmo dia. 

Após o choque de descobrirem que seus cônjuges estão tendo um caso, acabam também se envolvendo emocionalmente.


O Fabuloso Destino de Amelie Poulain - dia 11

Direção:
Jean-Pierre Jeunet
Ano:
2001 
País:
AlemanhaFrança
Gênero:
ComédiaDramaRomance
Duração:
122 min. / cor
Título Original:
Le Fabuleux Destin d'Amélie Poulain 
Título em inglês:
Amelie 








Crescida isolada de outras crianças, Amélie, após sua maioridade, mudou-se do subúrbio para o bairro parisiense de Montmartre, onde trabalha como garçonete. Certo dia encontra no banheiro de seu apartamento uma caixinha com brinquedos e figurinhas pertencentes ao antigo morador.

Decide procurá-lo e, anonimamente, entregar o pertence ao dono. Ao notar que ele chora de alegria por reaver o seu objeto, a moça fica impressionada e se engaja na realização de pequenos gestos a fim de ajudar e tornar mais felizes as pessoas.


Amores Brutos - dia 12

Direção:
Alejandro González Iñárritu
Ano:
2000 
País:
México
Gênero:
DramaThriller
Duração:
153 min. / cor
Título Original:
Amores Perros 
Título em inglês:
Love's a Bitch 










Um terrível acidente de carro conecta três histórias, cada uma delas envolvendo personagens que têm de lidar com a perda e dura realidade da vida em nome do amor.






O filho da noiva - dia 13

Direção:
Juan José Campanella
Ano:
2001 
País:
Argentina
Gênero:
ComédiaDrama
Duração:
123 min. / cor
Título Original:
El Hijo de la Novia 
Título em inglês:
Son of the Bride 









Em crise com seus pais, sua ex-esposa e sua atual namorada, um ataque cardíaco faz com que um homem reencontre um amigo de infância, que o ajuda a reconstruir o passado e a ver o presente com outros olhos.

A relação se torna mais complicada porque o pai deseja se casar oficialmente com a mãe, que tem o mal de Alzheimer.



As invasões Bárbaras - dia 14 


Direção:
Denys Arcand
Ano:
2003 
País:
FrançaCanadá
Gênero:
Drama
Duração:
99 min. / cor
Título Original:
Les Invasions Barbares 
Título em inglês:
The Barbarian Invasions 










Temas polêmicos são discutidos nas histórias trazidas por um homem que, à beira da morte, recebe a ajuda de amigos e de seu afastado filho para reviver seu passado.





A Professora de Piano - dia 16


Direção:
Michael Haneke
Ano:
2001 
País:
FrançaÁustriaAlemanhaPolônia
Gênero:
DramaMusical
Duração:
131 min. / cor
Título Original:
La Pianiste 
Título em inglês:
The Piano Teacher 








A fina arte de ensinar piano se torna uma forma elevada e refinada de encobrir a dor e os conflitos de uma mulher desesperada. 

Erika Kohut (Isabelle Huppert) é professora de piano no Conservatório de Viena. Ela não bebe nem fuma, vivendo na casa de sua mãe (Annie Girardot) aos 40 anos. Quando não dá aulas, Erika frequenta cinemas e shows pornôs em busca de excitação. Logo se relaciona com o aluno Walter Klemmer (Benoît Magimel), com quem realiza vários jogos perversos.

Dolls - dia 16


Direção:
Takeshi Kitano
Ano:
2002 
País:
Japão
Gênero:
Drama
Duração:
114 min. / cor
Título Original:
Dolls 








Filme dividido em episódios cujo tema é o amor eterno. Num deles, o fã de uma cantora que morre num acidente fura os próprios olhos. Em outro, homem abandona a esposa para se unir à máfia japonesa. Anos depois, arrependi, ele tenta reencontrar seu grande amor.




Amarelo Manga - dia 17


Direção:
Cláudio Assis
Ano:
2002 
País:
Brasil
Gênero:
Drama
Duração:
103 min. / cor
Título Original:
Amarelo Manga 
Título em inglês:
Mango Yellow 









Recife é cenário para várias curtas histórias. Um açougueiro que, apesar de louvar sua mulher evangélica, mantém uma amante; a fascinação de um necrófilo pela dona de um bar; e um homossexual que sonha em conquistar o açougueiro. 

Com Dira Paes, Matheus Nachtergaele, Leona Cavalli, Jonas Bloch e Chico Díaz.

Oldboy - dia 18

Direção:
Park Chan-wook
Ano:
2003 
País:
Coréia do Sul
Gênero:
DramaSuspenseThriller
Duração:
120 min. / cor
Título Original:
Oldboy 








Após uma bebedeira e uma prisão no dia do aniversário de sua filha, Oh Dae-Su é seqüestrado e aprisionado em quarto por 15 anos, sem nenhuma explicação. Quando é libertado, ele procura descobrir o que aconteceu e quer vingança.






Dogville - dia 19

Direção:
Lars Von Trier
Ano:
2003 
País:
SuéciaNoruegaHolandaFrança,Dinamarca
Gênero:
DramaSuspenseThriller
Duração:
178 min. / cor
Título Original:
Dogville








Anos 30. Fugindo de um bando de gângsters, Grace chega a Dogville, uma pequena cidade americana. Com o auxílio de Tom, ela consegue ser aceita na comunidade. Em troca de pequenos serviços, os moradores irão ajudá-la a se esconder. 

Porém, Grace percebe que terá que pagar um preço muito alto quando a procura por ela começa a se intensificar.



Estamira- dia 20

Direção:
Marcos Prado
Ano:
2004 
País:
Brasil
Gênero:
Documentário
Duração:
121 min. / cor
Título Original:
Estamira 







Trabalhando há 20 anos em um aterro sanitário no Rio, Estamira Gomes de Sousa tem 63 anos, e sofre de distúrbios mentais. O local recebe mais de 8 mil toneladas de lixo da cidade diariamente, e é também sua moradia. 

Com seu discurso filosófico e poético, em meio a frases sem sentido, Estamira analisa questões globais e fala também com uma lucidez impressionante, o que permite que o espectador repense a loucura de cada um, inclusive a dela.


Medos Privados em Lugares Públicos - dia 21

Direção:
Alain Resnais
Ano:
2006 
País:
FrançaItália
Gênero:
Drama
Duração:
120 min. / cor
Título Original:
Coeurs 
Título em inglês:
Private Fears in Public Places 








As vidas de seis pessoas cruzam-se em Paris: Thierry vende imóveis e vive com Gaëlle sua solitária irmã mais nova. Ele procura apartamento para o casal em crise Nicole e Dan. 

Desempregado, Dan bebe e tem como confessor o barman Lionel, que contrata Charlotte para cuidar de seu pai doente. Charlotte, que esconde um lado secreto, trabalha com Therry.



Estômago - dia 22


Direção:
Marcos Jorge
Ano:
2007 
País:
ItáliaBrasil
Gênero:
Drama
Duração:
103 min. / cor
Título Original:
Estômago 
Título em inglês:
Estômago: A Gastronomic Story 








Nonato aprendeu que no mundo, uns devoram e outros são devorados. Seguindo um caminho alternativo, ele resolve dedicar-se à cozinha, passando na cozinhas de um restaurante italiano e até de uma prisão.

Um conto sobre culinária, sexo e poder.




Mary & Max - Uma amizade diferente - dia 23

Direção:
Adam Elliot
Ano:
2009 
País:
Austrália
Gênero:
AnimaçãoComédiaDrama
Duração:
88 min. / cor
Título Original:
Mary and Max 





Mary Daisy Dinkle (Toni Collette) é uma menina solitária de 8 anos, que vive na Austrália. Max Jerry Horovitz (Philip Seymour Hoffman) tem 44 anos e vive em Nova York. 

Obeso e solitário, ele tem Síndrome de Asperger. Mesmo com tamanha distância e a diferença de idade existente entre eles, Mary e Max desenvolvem uma forte amizade, que transcorre de acordo com os altos e baixos da vida.


Medianeras: Buenos Aires na Era do Amor Virtual - dia 26

Resultado de imagem para medianeras poster
Direção:
Gustavo Taretto
Ano:
2011 
País:
ArgentinaEspanhaAlemanha
Gênero:
DramaComédia
Duração:
95 min. / cor
Título Original:
Medianeras 
Título em inglês:
Sidewalls 









Martin (Javier Drolas) está sozinho, passa por um momento de depressão e não se conforma como Buenos Aires cresceu e foi construída. Webdesigner, fica grande parte do tempo no computador. 



É por meio da internet que conhece Mariana (Pilar López de Ayala), sua vizinha também solitária e desiludida com a vida moderna numa grande cidade.


Meia noite em Paris - dia 27

Direção:
Woody Allen
Ano:
2011 
País:
EspanhaEstados Unidos
Gênero:
ComédiaFantasiaRomance
Duração:
100 min. / cor
Título Original:
Midnight in Paris 








Gil (Owen Wilson) sempre quis ser um grande escritor. Como roteirista em Hollywood, foi bem remunerado, mas também se frustrou. Agora ele está prestes a ir a Paris ao lado de sua noiva, Inez (Rachel McAdams), e dos pais dela, John (Kurt Fuller) e Helen (Mimi Kennedy). 

John irá à cidade para fechar um grande negócio e não esconde sua desaprovação pelo genro. Estar em Paris faz com que Gil volte a se questionar sobre os rumos de sua vida.


Branca de Neve - dia 28

Direção:
Pablo Berger
Ano:
2012 
País:
EspanhaBélgicaFrança
Gênero:
DramaFantasia
Duração:
104 min. / p&b / mudo
Título Original:
Blancanieves 
Título em inglês:
Snowhite 









Carmen (Macarena García) viveu toda a infância com sua madrasta, Encarna (Maribel Verdú). Cansada de ser reprimida, a jovem foge de casa para ser toureira, a fim de apagar seu passado. 

Durante a viagem, recebe a ajuda de sete anões toureiros, que decidem protegê-la a todo custo.



Alabamba Monroe - dia 29


Direção:
Felix Van Groeningen
Ano:
2012 
País:
Bélgica
Gênero:
Drama
Duração:
112 min. / cor
Título Original:
The Broken Circle Breakdown 








Elise (Veerle Baetens) e Didier (Johan Heldenbergh) se apaixonam à primeira vista. Ele é um músico romântico e ela a realista, dona de estúdio de tatuagem. 

Eles têm uma filha, Maybelle (Nell Cattrysse), que aos seis anos, adoece gravemente e a família se desestabiliza.



A Grande Beleza- dia 30

Direção:
Paolo Sorrentino
Ano:
2013 
País:
FrançaItália
Gênero:
ComédiaDrama
Duração:
150 min. / cor
Título Original:
La Grande Bellezza 
Título em inglês:
The Great Beauty 
Resultado de imagem para la grande bellezza poster








Num verão em Roma, o escritor Jap Gambardella (Toni Servillo) reflete sobre sua vida. Ele tem 65 anos, e desde um best-seller de décadas atrás, não concluiu nenhum outro livro. Desde então, 

Jep passa a vida entre festas da alta sociedade, luxos e privilégios de sua fama. Quando lembra um amor inocente da sua juventude, Jep cria forças para mudar sua vida.

Fonte das sinopses: www.melhoresfilmes.com.br