quinta-feira, 23 de março de 2017

Mais de 350 moradores da ocupação Achieta podem ser despejados amanhã



As 72 famílias que vivem na Ocupação Anchieta, localizada logo atrás do Hospital da Beneficência Portuguesa na rua São Paulo estão sob ameaça de despejo nessa sexta-feira (24). Uma reintegração que deve acontecer inclusive com uso de força da Policia Militar. 

As mais de 350 pessoas receberam apenas um mandado de intimação para desocupação no dia 10 de março que foi entregue por um oficial de justiça.  Com o prazo de apenas 15 dias para deixar o local os moradores se encontram desesperados porque não puderam se organizar e não sabem para onde vão.

Muitas pessoas vivem no prédio mesmo sob condições precárias justamente porque não possuem recursos para sobreviver em outras condições, maioria dos moradores estão desempregados, vivem do trabalho informal e de subempregos.

No passado o prédio foi a chamada "Casa de Saúde Anchieta" um manicômio privado que tornou-se conhecido pela aplicação de métodos desumanos no tratamento dos pacientes. O local sofreu uma intervenção em 1989, um marco na luta anti-manicomial na cidade de Santos. Posteriormente o imóvel foi abandonado, e visto como uma oportunidade de moradia por diversas famílias que ao poucos passaram a morar no local. 

Abaixo o vídeo em que a moradora Patricia Maria da Silva e Marcos Teixeira denunciam a surpresa que receberam a ordem de reintegração e o abuso que é a ordem de despejo